Com ERP de última geração, Jaú Serve aprimora gestão e experiência de compra

Avaliação:

(4 Avaliações)

Por Redação SA Varejo - redacao@savarejo.com.br -

Rede paulista é a primeira da Américana Latina a adotar perfil completo do S/4Hana, desenvolvido pela SAP

A rede paulista de supermercados  Jaú Serve finalizou há cerca de dois meses a implantação do S/4Hana, última geração em solução de ERP da SAP

“A varejista é a primeira da América Latina a adotar o perfil completo da ferramenta”, afirma Alvaro Farana, CEO da Star-it , parceira da SAP, especializada no atendimento a empresas de varejo. Segundo ele, o objetivo da rede era contar com suporte para seu plano de expansão e, ao mesmo tempo, com uma solução que permitisse trabalhar a experiência do cliente.

“Esta etapa se iniciará, dentro em breve, com o aprofundamento do clube de compras, cujos clientes poderão ser identificados de forma personalizada, gerando ações alinhadas com o hábito de cada um”, completa Farana. Por enquanto, os ganhos estão mais associados à gestão, como maior controle de estoques, precisão de abastecimento, acuracidade nos processos da área financeira, entre outros.

Para Elia Chatah, diretor de varejo da SAP, a solução representa um passo a mais em relação à transformação digital. “O S/4Hana promove uma evolução no sentido de se tornar uma empresa inteligente”, afirma. Ou seja, dá suporte a partir de dados, análises e insights à gestão do negócio e automatiza os mais diversos processos existentes no varejo. Em parte, isso é possível porque o Hana, originalmente uma plataforma de dados, foi incorporado ao ERP, agregando sua inteligência, que inclui algoritmos preditivos.

ENTRE OS BENEFÍCIOS DA SOLUÇÃO, DESTACAM-SE:

OBTER INFORMAÇÕES EM TEMPO REAL
“No momento do recebimento de uma mercadoria, por exemplo, já é possível encontrar a nota fiscal no sistema a partir do seu lançamento”, afirma Chatah. Em modelos mais tradicionais, diz o executivo, é preciso rodar uma rotina em algum momento do dia, normalmente à noite, para atualizar as informações

SIMPLIFICAÇÃO NA OBTENÇÃO DE DADOS
Segundo Chatah, nos bancos tradicionais, os dados estão dispostos linearmente, enquanto no Hana isso acontece por colunas. Na prática, significa que, normalmente, se um colaborador da mercearia precisa de um relatório, deve solicitar a sua criação para TI. Com a plataforma da SAP, o próprio usuário é capaz de extrair os dados de que precisa. Outro exemplo são os relatórios de gestão de estoque. A própria versão anterior do ERP do fornecedor trazia 26 tabelas. Com a atual, em apenas uma é possível obter os dados necessários, com indicadores criados pelos algoritmos

INTEGRAÇÃO DE SOLUÇÕES
omnichannel de experiência do consumidor. Para e-commerce, por exemplo, há uma funcionalidade que permite ao varejista tratar de maneira diferenciada aqueles clientes que não permitem, por exemplo, compartilhamento dos seus dados – conforme a nova legislação

GESTÃO
de pessoas, despesas, como as de viagens, e relacionamento com fornecedores, entre outros

MONITORAMENTO
a partir do uso de Internet das Coisas, do funcionamento de equipamentos, como refrigeradores, e até mesmo dos checkouts.

 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:        LinkedIn       ,       Instagram       e       Facebook       !

Comentários

Comentar com:
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade