Saiba qual categoria é destaque entre as bebidas não alcoólicas

Avaliação:

(1 Avaliação)

Reportagem SA Varejo -

Busca por opções mais saudáveis influencia vendas do segmento

O segmento de bebidas não alcoólicas, do qual fazem parte categorias importantes como refrigerantes, sucos, energéticos e chás prontos, deve crescer 10,6% em volume entre 2018 e 2023, conforme projeção da consultoria Euromonitor International .

O principal impulsionador desse crescimento são as vendas de água mineral engarrafada. No ano passado, a categoria atingiu 8,6 bilhões de litros consumidos no Brasil e deve avançar 20,2% até 2023. A estimativa é de que siga crescendo, em média, 3,7% em volume ao ano, enquanto o segmento total de não alcoólicos sobe apenas 1,4% anualmente.

Em valor, as águas engarrafadas devem totalizar R$ 34,6 bilhões em vendas no ano de 2023 no País. Caso confirmada a projeção, significará elevação média anual de 5,9% em um período de cinco anos. "A água engarrafada tem atendido a busca do consumidor por opções de bebidas mais saudáveis. Muita gente está trocando outras bebidas para consumo no lar, como refrigerantes e sucos, por água. Em restaurantes, a água com gás e limão ou laranja tem substituído o consumo do refrigerante com refeições", destaca Angélica Salado, consultora da Euromonitor. Garrafas menores, de até 500 ml estão entre as versões que mais crescem na categoria.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:   LinkedIn  Instagram  Facebook  !
 

Fonte: Valor Econômico

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade