Nos supermercados de SP, inflação chegou a 15% em 2020

Avaliação:

(0 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Aumento de preços acumulado foi o mais alto da década

Foto: iStock

A maior inflação da década foi registrada nos supermercados paulistas em 2020. A alta acumulada de preços foi de 15%, bem acima dos 11,33% registrados em 2015.

Alguns alimentos, no entanto, aumentaram mais que o dobro dessa média nos supermercados do Estado de São Paulo. É o caso, por exemplo, de queijos e carne suína, cujos reajustes acumulados entre janeiro e dezembro do ano passado atingiram 35,5% e 31,5%, respectivamente. 

Os dados são da Apas (Associação Paulista de Supermercados), que enxerga três razões principais para a forte elevação nos preços: desvalorização do real; crescimento das exportações de grãos utilizados na racão animal e aumento no consumo de alimentos dentro do lar.    

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                         LinkedIn                        ,                        Instagram                        e                        Facebook                        !

 

Fonte: Folha de São Paulo

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade