Atacarejos têm espaço para 420 novas lojas nos próximos cinco anos

Avaliação:

(4 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Conclusão é de um estudo do banco de investimentos Credit Suisse. Já outro levantamento mostra que as redes regionais foram responsáveis por 74% das aberturas no formato entre 2019 e 2021

Foto: istock

O atacarejo ainda tem potencial para abertura de cerca de 420 novas lojas nos próximos cinco anos, segundo relatório do banco de investimentos Credit Suisse . O principal motivo apontado é a conjuntura econômica. Afinal, a inflação alta, o PIB (Produto Interno Bruto) em baixa e a perda de renda têm levado o consumidor a buscar produtos mais baratos e, neste sentido, o modelo leva vantagem.

Com preços cerca de 15% abaixo dos demais formatos, o cash & carry virou o destino dos consumidores finais, sobretudo nos últimos tempos, em que não há mais a necessidade de comprar grandes quantidades, além da possibilidade de pagar com todos os tipos de cartões.

Em entrevista à edição de dezembro da SA Varejo, tanto o Grupo Mateus quanto o Assaí veem ainda um ritmo forte de crescimento do atacarejo num horizonte de cinco anos, alinhando-se assim ao potencial estimado pelo Credit Suisse. 

Já o  Itaú BBA destaca, em relatório divulgado recentemente, que as redes regionais foram responsáveis por 74% das novas unidades de atacarejos que surgiram no mercado nos últimos dois anos. Os grandes players - Atacadão (do Carrefour), Assaí e Mix Atacarejo (Grupo Mateus) - representam apenas 26% do total de 370 lojas que surgiram no período. 

A forte expansão do cash & carry tem aberto uma série de discussões sobre o seu futuro. Entre elas, uma possível sobreposição de lojas e canibalização de vendas e a complexidade do sortimento, que avança a passos largos. Diferentemente de dez anos atrás, o modelo incluiu no mix itens perecíveis, como hortifrútis e, mais recentementem, serviço de açougue.

Para entender o impacto dessas mudanças no crescimento sustentável do cash & carry, confira reportagem da revista SA Varejo de dezembro. Leia aqui

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                                                                                                  LinkedIn                                                                                                 ,                                                                                                 Instagram                                                                                                 e                                                                                                 Facebook   

Fonte: Infomoney

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade