Após explosão de consumo, vendas dos supermercados de SP começam a desacelerar

Avaliação:

(4 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Enquanto ritmo diminui aos poucos nas lojas físicas, pedidos no e-commerce não param de crescer

As vendas dos supermercados paulistas registraram crescimento diário sempre acima de 45% entre 18/3 e 22/3 (quarta-feira a domingo), na comparação com período equivalente do mês anterior. O pico ocorreu na quinta-feira (19/3), com alta de 48,5%. No entanto, na última segunda-feira ocorreu desaceleração: o crescimento foi de 24,8%, ainda expressivo mas representando quase a metade do avanço anterior. Os dados são de levantamento da Associação Paulista de Supermercados (Apas).

A redução no ritmo das lojas físicas pode ter relação com a super estocagem de produtos pelos consumidores e também com a divulgação da quarentena oficial estabelecida no estado de São Paulo. Nesse novo cenário, quem cresce mais rapidamente são os sites de e-commerce e as vendas por telefone. As compras remotas, segundo a Apas, subiram 74% na última semana. De acordo com a associação, 62% das empresas que operam com vendas online já estão reforçando suas equipes para manter um prazo adequado nas entregas.

Com tanta procura, a página de comércio eletrônico do Pão de Açúcar destacou um aviso informando que priorizará encomendas de "clientes que mais necessitam (idosos, pessoas em quarentena, pessoas com mobilidade reduzida e deficientes físicos). 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:          LinkedIn         ,         Instagram         e         Facebook         !

    

 

  

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade