Massa de renda limitada exige maior precisão do varejo nas estratégias

Avaliação:

(6 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Isso significa que será necessário, cada vez mais, eficiência e inteligência nos processos

A massa de renda da população brasileira deve cair neste ano, segundo projeções de Lucas Assis, economista da Tendências Consultoria . A alta no ano passado se deu por conta do auxílio emergencial. Já a queda em 2021 ocorrerá, mesmo com algum amparo do governo. Até o fechamento desta matéria, ainda não havia uma definição concreta sobre o valor do benefício, mas a consultoria conta com estimativas num cenário de redesenho do Bolsa Família, no qual 2,8 milhões a mais de famílias contariam com um valor médio nominal de R$ 300.

As chances de retorno à pobreza das classes D/E são consideráveis. Além da alta dependência das transferências governamentais, boa parte tem baixa escolaridade e pouco ou nenhum treinamento formal. Portanto, ficam mais vulneráveis a desemprego, morte de parentes que compõem a renda familiar e recessões cíclicas. Essa população ainda sofrerá forte queda na renda porque os benefícios indexados ao salário mínimo, como aposentadoria e pensão, não tiveram aumento real e nem terão nos próximos anos.” Lucas Assis, Tendências

* BPC-LOAS, benefício garante salário mínimo mensal a idoso acima de 65 anos e a pessoa com deficiência, ambos com rendimento domiciliar per capita de ¼ do salário mínimo

“A classe média não foi beneficiada pelo auxílio emergencial e não tem grandes ganhos de capital, como remuneração de propriedades e juros de aplicações financeiras. Basicamente depende de salário. Neste ano, ainda vai sofrer com as consequências da pandemia, crise na economia e no mercado de trabalho.” Lucas Assis, Tendências

A classe A é a única que cresce neste ano. Além de salários, bonificações ou dividendos, boa parte tem fontes de renda diversificadas, como aplicações financeiras, imóveis, entre outros ativos. E parte atua em setores que já voltaram ou começam a voltar aos trilhos.

Fonte: Tendências/IBGE, Ministério da Economia e da Cidadania

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade