Walmart vende operação na Argentina, onde tinha 92 lojas

Avaliação:

(4 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Companhia norte-americana se desfez de toda sua participação acionária

O Walmart fechou acordo para vender suas operações na Argentina, país no qual estreou em 1995 e operava 92 lojas das bandeiras  Changomas (foto), Mi Changomas, Walmart Supercenter e Punto Mayorista.

O comprador é o Grupo de Narváez,  dona de operações em diversos segmentos do varejo na Argentina, Equador e Uruguai. 

O valor da transação não foi divulgado, porém o Walmart registrará prejuízo em torno de US$ 1 bilhão com a venda no terceiro trimestre fiscal de 2021, em razão das perdas cumulativas com o câmbio.

Diferentemente do que acontece no Brasil, onde o Walmart seguiu com participação minoritária após a venda para o fundo Advent, a companhia norte-americana não manterá participação acionária na empresa na Argentina.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:        LinkedIn       ,       Instagram       e       Facebook       !

 

Veja mais sobre: Walmart, Varejo Internacional

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade