Companhia investe em diversificação e faturamento cresce 30% no 1º semestre

Avaliação:

(1 Avaliação)

Reportagem SA Varejo -

Expectativa é dobrar receita em quatro anos

Foto: Divulgação

Depois de mais de 20 anos vendendo apenas cafés e capuccino, a Gema de Minas investiu na diversificação de produtos e aumentou o seu faturamento em 30% no primeiro semestre do ano ante o mesmo período de 2020. A iniciativa partiu de Ivan Caldeira Filho, terceira geração no comando da empresa familiar, que percebeu que os modelos usados para produção e comercialização de café limitavam o potencial de crescimento da companhia.

De olho na expansão da empresa, o executivo incluiu mais de 30 produtos em seu portfólio, entre refrescos, achocolatado, amido de milho, rosquinhas e, mais recentemente feijão.

“Durante a pandemia, percebi que o consumo de alimentos básicos disparou e nós só tínhamos o café para atender um consumidor que é muito ligado à nossa marca. Entendi que diversificar a fonte de receita seria o futuro para a empresa”, conta Caldeira Filho. A expectativa é dobrar a receita em quatro anos. No ano passado a companhia faturou R$ 50 milhões.

De acordo com o executivo, os investimentos serão feitos com recursos próprios e por meio de acordos de terceirização para a maioria dos produtos, com isso a expectativa é ter 50 itens no portfólio até o final do ano.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                                        LinkedIn                                       ,                                       Instagram                                       e                                       Facebook                                       !

 

Fonte: Valor Econômico

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade