Todo líder deve evitar estes 3 erros

Avaliação:

(3 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Caso contrário, corre risco de criar mal-estar na equipe e prejudicar os resultados

Certas atitudes inadequadas, quando partem de profissionais em posição de liderança, podem prejudicar toda a estrutura da equipe e, consequentemente, gerar efeitos negativos para o negócio.

André Bax, CEO e Master Trainer do Instituto EVEX , centro voltado ao desenvolvimento de empresários e líderes, elenca três erros clássicos que os gestores precisam evitar:

1. Dificuldade em delegar

Provavelmente a principal dificuldade de qualquer líder, seja no começo ou com anos de experiência, acontece porque é comum ter medo de que outras pessoas não conseguirão contornar possíveis erros e imprevistos. "O problema é que se realmente não houver esse tipo de hábito, quando o chefe precisar se ausentar, a equipe não saberá como agir sozinha. Além disso, uma equipe sem autonomia passa a se sentir desmotivada e com medo de dar opiniões que ajudarão no crescimento interno e externo", destaca André Bax. Portanto, é importante saber delegar as funções, sempre analisando adequadamente a função e as habilidades de cada colaborador. Caso tenha dificuldade, a dica é fazer o exercício diário de delegar tarefas, começando por situações pequenas chegar nas mais importantes

2. Egocentrismo

Não saber reconhecer o potencial da equipe, agradecer e elogiar os acertos de cada um, pode criar bastante mal-estar entre os colaboradores, faz questão de lembrar o CEO do Instituo EVEX. Outro erro importante que deve ser evitado, segundo ele, é ignorar opiniões e se sentir melhor que os outros devido à própria posição de liderança. "Reconhecer boas sugestões e dividir as conquistas da empresa é importante para motivar a equipe". Outra ação bastante recomendada é reconhecer os próprios erros e pedir desculpas sempre que for necessário

3. Esquecer do feedback

Seja para elogiar ou realizar críticas construtivas, o feedback é uma das atitudes mais relevantes na motivação da equipe. "Com esse hábito é possível intensificar as qualidades de cada um e ajudá-los a melhorar o que for necessário. Porém, lembre-se: o diálogo deve ser de forma construtiva e educada para que o colaborador se sinta à vontade e motivado", completa André Bax.  

 Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:         LinkedIn        ,        Instagram        e        Facebook        !

 
Veja mais sobre: Gestão, Liderança, Pessoas

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade