Solução de inteligência artificial reduz em 10% prejuízos com ruptura

Avaliação:

(3 Avaliações)

Por Redação SA Varejo -

Ferramenta também ajuda a otimizar os níveis de estoque

Uma solução que utiliza inteligência artificial tem ajudado os varejistas a reduzir, em média, 10% as perdas com ruptura e 30% os prejuízos com estoque parado. Desenvolvida pela startup James Tip , do Rio Grande do Sul, a ferramenta é alimentada com dados de compra e venda – dos últimos 24 meses, pelo menos  – e indica a demanda dos produtos.

Para isso, classifica os diferentes produtos em seis tipos. São eles: lucrativos e que atraem clientes; alta procura mas baixa rentabilidade; rentáveis porém com pouca demanda; de venda regular; pouca procura e baixa rentabilidade e, por fim, os que dão prejuízo. 

De acordo com a startup, a ferramenta consegue realizar mais de 2,2 bilhões de cálculos por segundo. Por conta disso, é capaz de indicar ações preditivas para o varejista e apontar quanto deverá ser comprado de cada produto de maneira que, ao mesmo tempo, não haja excesso em estoque ou ruptura. Ao realizar essa equalização, é possível negociar bem com os fornecedores e melhorar o fluxo de caixa, entre outros benefícios. 

Cliente da James Tip, a varejista Ferragens Thony adotou a solução com bons resultados. Diminuiu em 51% as perdas com ruptura no primeiro bimestre de 2018, contra o quinto bimestre de 2017, e em 68% na comparação com o sexto bimestre de 2017. Já os níveis de estoque caíram 5,1% após a implementação da tecnologia. 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:   LinkedIn  Instagram  Facebook  !

Comentários

Comentar com:
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade