Segmento de alimentos prontos está cada vez mais amplo e desafiador para sua loja

Avaliação:

(1 Avaliação)

Sheila Hissa - redacao@savarejo.com.br -

Práticos, gourmet, saudáveis, indulgentes. Eles estão mais presentes na vida dos consumidores e exigem atenção no mix do autosserviço

Os alimentos prontos, sejam refrigerados, congelados ou vendidos na temperatura ambiente, cumprem os mais variados papéis no cotidiano dos consumidores. Sortimento, portanto, é o grande desafio

Foto:Divulgação

DESTAQUE
Congelados ainda sobressaem, mas hoje o mercado de alimentos prontos envolve também versões refrigeradas e não refrigeradas. Esta última, inclusive, com investimentos de grandes players

Se você só pensa em categorias estanques, cada uma com um papel único no consumo, saiba que as coisas estão mudando. Evidentemente produtos frescos ou empacotados orgânicos têm seu público e seu momento de consumo. O mesmo para as categorias goumert ou que conferem diversão ao consumo. No entanto, uma nova tendência está avançando: a de combinar vários desses atributos num mesmo produto. Um exemplo é o que está sendo capitaneado pela indústria de alimentos prontos. O portfólio oferecido cada vez mais mescla praticidade a outros valores. Pratos congelados, enlatados ou embalados a vácuo, empanados, hambúrgueres, wraps, sanduíches e sobremesas prontas prometem mais do que comodidade. Agora acenam com sabores requintados, menos sódio, nada de conservantes, indulgência, itens veganos ou orgânicos. Alguns produtos em dupla, outros juntos e misturados. Esse tem sido o pulo do gato para conquistar novos consumidores e aumentar frequência e tíquete dos alimentos prontos. Com a vantagem de aumentar a margem de lucro e dar um chega pra lá no movimento de trade down.

PRÁTICOS CONGELADOS CONTINUAM CRESCENDO

Estudo da Kantar mostra o tremendo aumento da penetração dos produtos nos lares e do volume tanto no ano passado quanto nos primeiros meses de 2021. Com exceção dos hambúrgueres, que, mesmo conquistando novos lares, caíram bastante em volume no primeiro trimestre deste ano, as demais categorias têm dado um show. Num cenário de trade down, a indústria tem colocado no mercado produtos de alto valor agregado que geram vendas e melhores margens.

02 DESTAQUES EM TÍQUETE MÉDIO

O aumento do tíquete médio de feijoadas e massas congeladas sinaliza a importância que alimentos prontos têm conquistado junto ao consumidor. Análise da Horus , realizada a partir do código das notas fiscais compartilhadas pelo consumidor no aplicativo Pinggo, mostra que feijoada deu um salto em tíquete médio, com destaque para as regiões Norte, Nordeste e Sul do País – todas com alta de 17%. Já o desempenho das massas congeladas foi puxado pelas regiões Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste. As preferências regionais de consumo, portanto, devem ajudar na definição do sortimento, porém lembrando que lojas e fornecedores podem estimular a experimentação e a adesão a novos SKUs.

 

Leia também:

Rede Confiança revisou espaço e sortimento dos alimentos prontos saudáveis

Quatro passos para acertar no sortimento de alimentos prontos

 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                                                                        LinkedIn                                                                       ,                                                                       Instagram                                                                       e                                                                       Facebook    

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade