Virou chefe? Então você vai precisar dos outros

Avaliação:

(6 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Quem explica é o filósofo Mario Sergio Cortella

Amor e ódio é um clichê que muita gente usa para definir a relação com o chefe. No mundo corporativo, assumir um cargo de gestão costuma significar status, aumento de salário e também mais responsabilidades.

Em um de seus artigos , o filósofo, professor e escritor Mario Sergio Cortella lembra que, na cultura brasileira, é muito comum brincar com a ideia de chefe. Mas, afinal, que definição a filosofia daria para essa figura respeitada em certos momentos e desqualificada em outros tantos? Cortella considera uma boa ideia aquela citada pelo escritor francês Paul Valéry, no livro Pensamentos maus e outros, no qual o autor crava: "o chefe é um homem que precisa dos outros".  

Em outras palavras, como detalha um dos palestrantes mais requisitados do País, o chefe é alguém que não se basta. É uma pessoa que precisa das outras. E essa é uma definição que vale ser lembrada por chefes e chefiados.   

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                      LinkedIn                     ,                     Instagram                     e                     Facebook                     !

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade