Venda de cervejas especiais afeta distribuição de vinhos. Entenda

Avaliação:

(2 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Garrafas de vidro estão em falta na indústria de bebidas

O aumento nas vendas de cervejas especiais no Brasil gerou uma efeito colateral na cadeia de distribuição de outra bebida, o vinho. Estão faltando garrafas para envasar parte da produção das vinícolas nacionais.

De acordo com o Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho), algumas empresas do setor planejavam produção adicional de vinhos para aproveitar a demanda aquecida. No entanto, as indústrias fabricantes de garrafas de vidro operavam com 100% da capacidade produtiva, o aumento da produção de vinhos foi inviabilizado.

aa A Vinícola Aurora, líder do mercado de vinhos nacionais, segundo o Euromonitor, estima que as vendas de espumantes poderiam ter crescido 25% caso fosse possível receber a encomenda extra de garrafas que havia sido planejada. "Acabamos fechando com crescimento entre 15% e 20%", afirma Hermínio Ficagna, diretor-superintendente da Aurora. Para dar conta da demanda, que segue aquecida, a vinícola está importando garrafas do Chile e da Argentina.

A Owens-Illinois, uma das fornecedoras de garrafas de vidro, confirma que faltaram embalagens para as vinícolas, apesar de a empresa ter ampliado em 27% sua produção, bem acima do crescimento do mercado de vidro. Segundo a empresa, a demanda por garrafas para cervejas especiais avançou 35% em 2018 e essa demanda segue em ritmo forte.

Outra fabricante, a Vidraporto, também notou elevação nas encomendas destinadas às marcas de cerveja premium. "Realmente a procura superou a oferta e houve falta de garrafas para alguns segmentos", confirma Edson Rossi, presidente da empresa.   

 

Fonte: Valor Econômico

Veja mais sobre: Vinhos, Cerveja, Embalagem

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade