Promotor de vendas sob demanda ganha força durante a pandemia

Avaliação:

(0 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Allis On Demand, aplicativo para atendimento de serviços no ponto de venda, chega a 70 mil chamados em três meses

O termo “uberização” que vem do Uber, aplicativo da indústria de táxi. A plataforma que representa uma revolução neste mercado, também tem ofertado possibilidade para outras áreas de negócios, como o caso de trade marketing.
 
A Allis (www.allis.com.br) especialista em Field Marketing, foi pioneira ao lançar o Allis On Demand - um aplicativo com foco exclusivo no trade varejista que oferece promotores especializados contratados por hora para qualquer tipo de demanda no PDV (da reposição de produtos a estratégias promocionais), uma alternativa para o momento em que estamos vivendo e que as indústrias estão mais atentas ao custo x benefício e aos investimentos com retorno a curto prazo. Em operação desde o início da pandemia, o app apresentou crescimento de 100% e conta que grande parte dos chamados vem da indústria. 
 
"A empresa inovou para poder atender a indústria e o varejo com os desafios que se estabeleceram atualmente e que precisam otimizar o investimento na execução do merchandising no ponto de venda, que possuem dificuldade de atender o varejo de cidades distantes e que precisam da qualidade do promotor dedicado com o preço do promotor compartilhado", conta explica Wagner Gutierrez, CEO da companhia.
  
Pós-pandemia
 
O escopo de atividades dos promotores de vendas vai do mais básico, como a reposição de produtos, até uma importante função que é abrir caminhos e aumentar os resultados em vendas. É o promotor que também negocia pontos de destaque, que tem o poder de influenciar na operação de trade marketing e merchandising no PDV, gerando melhor experiência ao consumidor final. Além de ser essencial nas visitar às lojas e dar todo o suporte à indústria e ao varejo, é um profissional que tendo a ganhar novas posições, em curto ou médio prazo.
 
 "Acreditamos que o promotor de vendas deva ganhar mais funções, como orientar o shopper durante a compras, o que chamamos de 'visitas guiadas'. A ideia é que isso seja uma realidade no futuro do varejo físico para otimizar ainda mais o tempo do consumidor na loja", revela Gutierrez que completa disse que diante das novas atividades que deverão ser exercidas por esses profissional, com a 'uberização do serviço no PDV', será ainda mais possível a adequação das lojas à essa realidade e gerar mais oportunidades de emprego formal para essa classe.
 
O Allis ‘On Demand’ hoje atende em qualquer lugar do País já conta com 600 promotores de vendas - contratados dentro das leis trabalhistas - cadastrados. Somente neste momento já atendeu mais de 70 mil chamados, mas espera chegar a 200 mil até o final do ano e, para isso, espera contratar pelo menos mais 900 profissionais. O Grupo Pão de Açúcar, Wickbold, AB Brasil, Duracell, Ambev estão entre as empress que utilizam o "uber" da Allis. Para 2020, a Allis espera o período com um de R$ 200 milhões, e acreditam que o Allis on Demand deve corresponder à 5% dessa estimativa.

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade