Parceria com fornecedores permite diferenciação no setor de carnes

Avaliação:

(1 Avaliação)

Fernando Salles - redacao@savarejo.com.br -

NO GPA, um exemplo é o projeto dry aged 1953, cuja curva de consumo dos cortes é crescente, chegando a ter participação de duplo dígito dentro da categoria de açougue

O trabalho colaborativo entre varejo e indústria rende diversas oportunidades conjuntas no setor de açougue. Um exemplo disso é o programa Açougue Nota 10, criado há 18 anos para implementar atendimento de excelência no setor de carnes dos supermercados. Por meio dele, as lojas são abastecidas com a marca Reserva Friboi, tendo prioridade e garantia de recebimento da matéria-prima, mesmo em cenário de alta demanda externa. Supermercados parceiros também recebem apoio na gestão do açougue, com direito a auxílio de uma equipe de consultores que, entre outros trabalhos, oferecem treinamento ao pessoal de loja.

Há pouco mais de um ano surgiu outra iniciativa no mesmo formato, porém com foco em uma linha de carnes premium: trata-se do Açougue 1953 Friboi, cujo primeiro parceiro foi o  GPA . Atualmente, 44 lojas da bandeira trabalham com esse conceito premium, sendo 34 em São Paulo, 7 no Rio de Janeiro e 3 em Brasília. De acordo com André Artin, gerente de desenvolvimento comercial do Extra e Pão de Açúcar, esses açougues oferecem cortes oriundos de raças europeias e trazem para as prateleiras do varejo os produtos que anteriormente estavam disponíveis somente em boutiques especializadas. Além disso, 11 dessas 44 lojas possuem também a câmara de maturação Dry Aged, técnica de maturação a seco – até então inédita no autosserviço alimentar – em que cortes de carne bovina in natura são armazenados em temperatura, umidade e ventilação controladas, sem embalagem protetora, por um período entre quatro e oito semanas. Com esse processo, ocorrem reações enzimáticas e bioquímicas naturais que resultam em uma peça mais macia e de sabor único.

“Desde a implantação do projeto dry aged 1953, a curva de consumo dos cortes é crescente, chegando a ter uma participação de duplo dígito dentro da categoria de açougue da rede”

ANDRÉ ARTIN
Gerente de desenvolvimento comercial do Extra e do Pão de Açúcar

 

Outra ação da JBS em parceria com o varejo é o programa store in store da marca Swift (foto), constituído por espaços personalizados e gerenciados pela JBS em lojas de grandes redes de varejo. Já são mais de 100 supermercados nesse modelo no Estado de São Paulo – além de lojas próprias e outras iniciativas de venda direta ao consumidor.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                     LinkedIn                    ,                    Instagram                    e                    Facebook                    !

 

 

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade