Movimento em prol de profissionais LGBTI+ lançado pela P&G poderá ter parceria do varejo

Avaliação:

(0 Avaliações)

Alessandra Morita – alessandra.morita@savarejo.com.br -

Programa será incluído no pacote de sugestões compartilhado com o varejo por meio do JBP da Cidadania, que prevê a construção de planos conjuntos nessa área

Foto: Divulgação

De um lado, o objetivo é facilitar a empresas que estão implementando ou que já têm um programa de inclusão de minorias desenvolvido a identificar profissionais LGBTI+ no mercado. De outro, a ideia é encorajar essas pessoas a incluírem no seu perfil no Linkedin a competência “Pride”, para facilitar a busca por parte de recrutadores e de companhias. O nome do movimento é #PrideSkill e acaba de ser lançado pela P&G , em parceria com a agência de publicidade Grey Brasil . A inciativa também tem apoio do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+ e vai ser incluído no JBP da Cidadania, que visa o compartilhamento das melhores práticas sociais e de sustentabilidade com clientes varejistas e fornecedores da empresa. A ideia é construir com eles planos em conjunto nessas áreas.

O movimento #PrideSkill será incluído no pacote de iniciativas que estamos levando ao varejo e, se houver a oportunidade, vamos desenvolver em conjunto”, explica Juliana Azevedo, presidente da P&G Brasil. A executiva ressalta ainda que ações como essa podem ter um impacto social importante, além de contribuir para o desenvolvimento econômico e dos negócios.

Para incentivar o movimento, a P&G fará um aporte de recursos e vai compartilhar os currículos para que os profissionais LGBTI+ tenham oportunidade dentro da própria companhia. Também participará da divulgação por meio de suas redes sociais. Um vídeo explicativo já está sendo compartilhado nesses canais. A campanha também contará com a participação de influenciadores incentivando as pessoas a utilizarem um filtro para identificar seu apoio à iniciativa.

Segundo dados da Grey Brasil, 33% das empresas não contratam pessoas LGBTI+ para cargos de chefia. “Esse projeto é sobre aceitação e pertencimento e, por isso, acreditamos que o impacto será grande”, reforça Luciana Rodrigues, CEO da agência. Ela cita uma pesquisa que aponta um lucro 21% maior em organizações que têm a cultura da diversidade.

O projeto #PrideSkill surgiu por meio do pilar de afinidade LGBTI+ da P&G. Chamado de GABLE (Gay, Ally, Bisexual, Lesbian & Transgender Employees), nasceu em 2010 no Brasil com o objetivo de criar um ambiente inclusivo em que funcionários se sintam seguros, valorizados e aceitos, potencializando sua performance. “A P&G quer ser parte da solução, mas é importante ressaltar que as grandes mudanças não são de uma empresa, mas de um conjunto de agentes e da sociedade”, finaliza a presidente da empresa no País.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                               LinkedIn                              ,                              Instagram                              e                              Facebook                              !

 

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade