Metade das empresas ainda não definiu retorno ao escritório de funcionários em home office

Avaliação:

(1 Avaliação)

Reportagem SA Varejo -

Mas já estão claras as principais medidas para evitar contágio no ambiente profissional

                                          

                                                                                                                                                                                                                  Fotos: iStock

Quatro em cada cinco empresas brasileiras que adotaram home office consideram muito importante a retomada do trabalho presencial. No entanto, 46% ainda não fizeram qualquer planejamento para organizar essa volta aos escritórios. As constatações vêm de pesquisa encomendada pela VR Benefícios ao Instituto Locomotiva .

O que já se sabe é que, no momento da volta ao trabalho presencial, as principais medidas adotadas pelas companhias serão: disponibilização de álcool em gel (83%); entrega de máscaras aos funcionários (76%); desinfecção do ambiente de trabalho (72%); afastamento e suporte a colaboradores que tiveram contato com alguém infectado (67%); treinamento sobre boas práticas (63%); identificação e gerenciamento de casos de Covid-19 na empresa (62%) e treinamento sobre cuidados pessoas e coletivos (60%).

Para a maioria dos gestores de RH, os níveis gerais de satisfação dos profissionais que entraram em home office por conta da pandemia não diferem muito em relação ao período anterior à pandemia. No entanto, 18% dos funcionários se dizem menos satisfeitos com o volume de trabalho e 15% se revelam menos contentes com a rotina de trabalho atual.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                 LinkedIn                ,                Instagram                e                Facebook                !

 

Fonte: 6 Minutos

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade