Compra do mês ganha importância em todos os formatos de loja

Avaliação:

(5 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Alta nos preços e preocupação com Covid-19 reforçam o movimento

Foto: istock

A compra do mês passou a ter maior importância em todos os formatos de loja, segundo pesquisa da Nielsen . A alta no preço dos alimentos e a maior preocupação com uma nova onda do Covid-19 são responsáveis pelo movimento.

De acordo com o levantamento, a importância da compra do mês nos gastos das pessoas no cash & carry subiu para 71,7% ante 67,7% verificado no mesmo período do ano passado. O hipermercado foi o segmento que mais cresceu, passando de 42,8% para 46,8%. Supermercado avançou de 35,9% para 42,4%, enquanto no mercado de bairro subiu de 22,5% para 25,9%.

A pesquisa mostra também que a importância da compra do mês em todos os formatos de loja é a maior dos últimos dois anos.

Quanto considerado o tíquete médio na comparação com o quatro trimestre de 2020, o atacarejo apresentou uma queda, passando de R$ 184,70 para R$ 183,90. No hipermercado, o tíquete subiu de R$ 105,50 para R$ 109,50, no supermercado passou de R$ 83,20 para R$ 85,40 e nos mercados locais houve uma leve alta, de R$ 54,70 para R$ 54,90%.

Já a frequência apresentou leve queda em todos os modelos.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                                         LinkedIn                                        ,                                        Instagram                                        e                                        Facebook       

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade