Compra de congelados envolve novas decisões do shopper

Avaliação:

(4 Avaliações)

Fernando Salles - redacao@savarejo.com.br -

Entenda as mudanças no consumo de pratos prontos, batatas pré-fritas, pão de queijo e outras categorias dessa seção da loja

                                          

                                                                                                                                                      Foto: Leo Lara

De rápido preparo e ideais para o consumo em casa, categorias de congelados como pratos prontos, carnes, acompanhamentos e pães de queijo apresentam enorme potencial de vendas e lucro. Ainda mais se sua loja estiver alinhada aos novos comportamentos

Com a transferência para o trabalho remoto neste ano de pandemia, as pessoas passaram a buscar maior praticidade e rapidez no preparo das frequentes refeições em casa. Resultado: aumento da procura por produtos congelados e semiprontos, conforme constatou a BRF , dona das marcas Sadia e Perdigão.

Tudo isso, claro, sem que o público abrisse mão de qualidade e sabor. José Cirilo, diretor executivo de trade e marketing da Seara , lembra que, nas primeiras semanas da quarentena, cresceu o consumo indulgente, o que beneficiou o giro dos produtos preparados. “Em um segundo momento, as pessoas descobriram (ou redescobriram) o gosto de cozinhar. Foi a vez de os produtos in natura ganharem mercado”, afirma. Ele acrescenta que as classes A/B elevaram especialmente o consumo de indulgência, enquanto o público das classes C/D buscou rendimento por meio dos porcionados. Mas, e no futuro próximo, o que deve impactar o consumo de congelados? Fabricantes de diversas categorias dessa seção da loja apontam algumas tendências:

                                          

                                                                                                                                                                Foto: The Commons

“Verificamos uma demanda crescente por produtos mais convenientes, tanto aqueles que facilitam a vida do consumidor ao substituir refeições do dia a dia em casa – pratos prontos, empanados de frango, hambúrgueres, entre outros –, como também produtos para o consumidor fazer seu happy hour em casa, como salgadinhos e petiscos, assim como produtos que facilitam o preparo culinário em casa, como frango desfiado, bacon em cubos e fatiados”

 

MARCELO MOREIRA ASSAF
Diretor de Marketing da Pif Paf

SAUDABILIDADE
Um futuro em que a busca por produtos saudáveis seja ainda mais presente na vida das pessoas já é enxergado pela BRF, uma vez que a pandemia provocou reflexões importantes em todos, e isso é refletido no comportamento do consumidor. No portfólio da Seara, produtos orgânicos congelados, como aves, têm demonstrado crescimento.

SHOPPER OMNICANAL
O processo de venda vem sofrendo modificações a partir das mudanças percebidas nos hábitos de consumo do púbico, faz questão de ressaltar a BRF. Exemplo disso é o avanço na busca por alimentos congelados via delivery – afinal o consumidor deixou de ir ao supermercado momentaneamente e o produto passou a ir até a casa dele. Isso mostra uma mudança na forma de consumir, mas também revela que a procura por esses produtos cresce constantemente. Com o público retomando as idas ao supermercado, a fabricante alerta sobre a importância de criar estratégias para reativar o desejo de o cliente passar pela área de congelados.

REPUTAÇÃO DAS MARCAS
Na análise da BRF, aspectos demográficos e geracionais, em conexão com fatores socioeconômicos e de saúde pública, fazem com que a reputação das marcas seja cada vez mais importante nas escolhas do consumidor.

“Em um futuro próximo, haverá uma valorização cada vez maior de propostas voltadas à saudabilidade, naturalidade e sustentabilidade na categoria de alimentos congelados, que tem o desafio no brasil de ser cada vez mais acessível e percebida como não artificial mesmo sendo processada e congelada”

MARCELO MOREIRA ASSAF
Diretor de marketing da Pif Paf

 

                                          

                                                                                                                                                      Foto: The Commons

BATATAS: PÚBLICO FAZ NOVAS ESCOLHAS

Ao decidir a compra de batatas congeladas, o shopper tem buscado pacotes de uma gramatura menor do que a usual. Outra mudança de comportamento é a valorização da variedade, o que inclui experimentar cortes especiais de batata e outros produtos, como polenta, mandioca e anéis de cebola. A informação é da fabricante Bem Brasil . Denise Garcia, gerente de vendas autosserviço Sudeste, explica que o shopper reconhece a categoria de batatas préfritas congeladas de três formas: batatas palito, responsáveis por cerca de 90% do consumo; cortes especiais (opções de formatos diferenciados); e itens complementares, ou seja, produtos derivados de batata e/ou agregados da família, como a polenta, mandioca e anéis de cebola. “Um planograma de exposição ideal, que centraliza as batatas palito e torna visíveis versões de maior valor agregado – como os cortes especiais –, é fundamental para aumentar a lucratividade, entregando melhor experiência de compra”, afirma.

PLANT-BASED
Os alimentos vegetais também tendem a permanecer em alta e a ser consumidos não só por vegetarianos, mas também por outros públicos, como os flexitarianos – pessoas que privilegiam ingestão de vegetais, mas comem carne ocasionalmente.

O segmento tem chamado tanto a atenção que pipocam novos fabricantes. Um deles é a Mr. Veggy , que lançou o hambúrguer vegetal da marca Mari Mari. Sua proposta é oferecer sabor a preços acessíveis, visando principalmente os consumidores das classes C e D. Produzido à base de soja, o produto será comercializado individualmente e tem preço sugerido de R$ 1,90. A marca Mari Mari conta com nível de gordura 55% menor e 30% a menos de calorias.

REFEIÇÕES EM CASA
“A alimentação feita em casa permanece em crescimento, com uma tendência de aumento de pratos prontos que entregam qualidade, inovação, praticidade e conveniência”, acredita José Cirilo, da Seara. Para atender esse consumidor, a empresa desenvolveu um e-commerce ( lojaseara.com.br ), que utiliza tecnologia de geolocalização e atua em parceria com o varejo e aplicativos de entrega (leia mais na matéria Digitalização da Indústria nesta edição).

Na fabricante Pif Paf , nota-se grande crescimento de embalagens mais convenientes, como os cortes de frango congelados individualmente, que facilitam o preparo de receitas por permitirem que o consumidor use exatamente a quantidade necessária de cada vez. Em pesquisas, a empresa também percebe um público ávido por ter maior prazer nas ocasiões de consumo em casa, o que se refletiu na busca crescente por produtos mais indulgentes e que ofereçam experiências sensoriais que surpreendam os consumidores.

“Há muito tempo, vínhamos pensando em uma solução para esse nicho, uma vez que os produtos de marcas veganas tradicionais sempre foram financeiramente inviáveis para pessoas de menor poder de compra”

MARIANA FALCÃO
Fundadora da Mr. Veggy

 

                                          

                                                                                                                                                Foto: iStock

PÃO DE QUEIJO: FOCO NA RENTABILIDADE

Durante o primeiro semestre deste ano, período de maior adesão ao distanciamento social, as vendas de pão de queijo congelado cresceram 26% no varejo alimentar, conforme apurou a Nielsen. De acordo com Vicente Camiloti, sócio e membro do conselho da Forno de Minas , se destacaram principalmente as embalagens com maior volume (1 kg), algo que deve prosseguir, especialmente em hipermercados e atacarejos. “Ao contrário do que imaginávamos, produtos mais premium, com maior valor por quilo, seguiram na mesma linha de crescimento”, comenta. Uma recomendação da Forno de Minas ao varejo é justamente privilegiar a exposição de itens que tragam cash margem relevante. Outra dica importante é manter as lojas bem sinalizadas, criando atrativos para levar o shopper até a área de congelados.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                  LinkedIn                 ,                 Instagram                 e                 Facebook                 !

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade