Carrefour deve começar a conversão das lojas Big

Avaliação:

(23 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Cade marcou para 25 de maio a análise da operação, que, se aprovada, libera o início do processo

Foto: Divulgação

A Assembleia Geral Extraordinária (AGE) do Carrefour Brasil aprovou a compra do Grupo Big, pelo Atacadão, de 70% do capital da companhia, negociação anunciada em março de 2021. A operação depende da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), que marcou para o dia 25 de maio a apreciação da transação. A partir desta decisão, o Carrefour fica liberado para dar início ao processo de conversão das lojas do Big. 

Os acionistas aprovaram ainda que as ações remanescentes emitidas pelo Big serão incorporadas pelo Atacadão, com a emissão de mais 116,8 milhões de novas ações ordinárias em favor dos acionistas do grupo adquirido.

No mês passado, durante coletiva de imprensa sobre resultados do primeiro trimestre, o CFO do Carrefour, David Murciano, disse que em se tratando de transformações de lojas como parte do processo de aquisição do Big.

A expectativa é de que o Capex seja de R$ 600 milhões, em linha com o anunciado no início da operação. Ele ressaltou, no entanto, que esse número pode aumentar, a depender da determinação do Cade sobre o número de lojas que serão convertidas. Segundo o executivo, ainda não é possível dizer o valor exato por conta dessa indefinição, mas ele não espera que o Capex por loja aumente. 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:                    LinkedIn                    ,                    Instagram                    e                     Facebook

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade