Rede Integra, do Rio de Janeiro, cresce acima da inflação em 2018

Avaliação:

(4 Avaliações)

Por Alessandra Morita - alessandra.morita@savarejo.com.br -

Com esse resultado, as sete empresas que formam a central de compras recuperam-se do resultado de 2017. Saiba como

Nova marca: desde junho deste ano, as lojas das redes que participam da central passaram a usar na fachada a marca Unno, junto com o seu nome original. A ideia é ter uma imagem unificada

Lançada em novembro do ano passado, a central de compras Integra , do Rio de Janeiro, comemora seu primeiro ano de vida com resultados positivos. É formada por sete redes – Bramil, Campeão, Costazul, Inter Supermercados, Princesa, SuperPrix e Supermercados Real de Itaipu –, com cerca de 113 lojas, que, neste ano, fecharão com aumento de vendas acima da inflação (que ficará em torno de 4,5%), o que representa recuperação em relação nas vendas das varejistas que formam a Integra em 2018 ao ano passado, quando houve retração.

“Além de o cenário não estar fácil, o mercado do Rio de Janeiro apresenta um nível de competição muito alto. Só para se ter uma ideia, neste segundo semestre, diversas redes fizeram promoção de aniversário, o que elevou ainda mais a competitividade”, explica Ronaldo Teixeira, conselheiro da central e gestor-geral do Princesa. Ele lembra que as varejistas decidiram se juntar para se aproximar ainda mais da indústria e negociar maiores volumes de compra e maior assistência, como presença de promotores nas lojas. Em conjunto, elas compram cerca de 1.200 itens anunciados em encarte e também na mídia.

Uma das mudanças devido à atuação conjunta aconteceu em junho deste ano, quando foi criada a marca Unno, que passou a integrar a fachada das lojas de todas as redes participantes. “A ideia é manter junto o nome original das empresas em torno de um a dois anos, até consolidar a nova bandeira”, diz Teixeira. Para isso, também foi escolhida como garota-propaganda da Unno a apresentadora Ana Maria Braga. Ao ter todas as empresas sob a mesma marca, é possível otimizar gastos com publicidade e marketing e também reduzir despesas com insumos, como embalagens.

Hoje, a central conta com um escritório na Barra da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro, e é presidida por Genival Beserra, que atuou em diversas varejistas do Estado. A estrutura conta com dois conselhos: um formado pelos proprietários de cada uma das redes participantes e outro operacional, com a participação de profissionais de nível gerencial das empresas. Há nove comitês para análise de oportunidades, como os de assuntos financeiros e comercial (que agrupa diferentes segmentos de produtos).

Integra em números 

  • 6%

expectativa de alta média nas vendas das varejistas que formam a Integra em 2018

  • -4% a -5%

queda média das empresas no ano passado

  • 1 milhão de reais por associado

Economia gerada ao negociar em conjunto com as empresas de adquirência, responsáveis pela transmissão de dados entre PDV e o cartão de débito ou crédito

 

Boa negociação

Uma das primeiras grandes negociações realizadas em conjunto envolveu o açougue. Foram adquiridas 45 carretas de carne para os associados a um preço bastante competitivo

Planos para 2019

No ano que vem, a Integra abrirá a possibilidade de novos associados entrarem na rede. “Estaremos com a nossa atuação consolidada, e ter mais participantes nos dará capacidade de negociar volumes ainda maiores com os fornecedores”, afirma Ronaldo Teixeira, conselheiro da central. Outra novidade é que a Integra iniciará a compra em conjunto de itens importados, aproveitando o know-how que alguns associados têm. “Vamos focar marcas exclusivas”, conclui.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:     LinkedIn   ,    Instagram    e    Facebook    !

Comentários

Comentar com:
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade