Rede de hortifrútis cria 'dark stores' para venda online

Avaliação:

(2 Avaliações)

Reportagem SA Varejo -

Investimento representa apenas 5% do valor necessário para inaugurar loja aberta ao público

A rede Hortifruti Natural da Terra já opera duas 'dark stores', unidades exclusivas para distribuição de mercadorias vendidas online. A primeira foi implementada em maio na zona norte de São Paulo. A segunda, com a bandeira Hortifruti, estreou há poucas semanas no Rio de Janeiro.

O investimento em uma 'dark store' representa cerca de 5% do montante desembolsado para inaugurar um ponto de venda aberto ao público. O modelo visa suportar a forte elevação nas vendas por e-commerce. Antes da pandemia, a operação digital representava, no máximo, 2% do faturamento mensal da rede. Durante o pico de vendas gerado pela proliferação exponencial da Covid-19, o comércio eletrônico chegou a bater em 27% de representatividade. Agora, essa participação estabilizou em 20%. Sem o isolamento social, a rede demoraria anos para atingir esse patamar, conforme reconhece Thiago Picolo, presidente da Hortifruti Natural da Terra.

A varejista conta, atualmente, com 61 lojas, sendo 45 no estado do Rio de Janeiro, 13 em São Paulo, 2 no Espírito Santo e 1 em Minas Gerais. Desde 2018 o Hortifruti Natural da Terra é controlado pelo fundo suíço Partners Group, dono de 100% das ações da companhia. 

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:       LinkedIn      ,      Instagram      e      Facebook      !

Fonte: Valor Econômico

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade