Conhecer a média dos consumidores da sua loja não é suficiente. Você precisa entrar no detalhe

Avaliação:

(2 Avaliações)

Sergio Alvim, CEO e fundador da SA Varejo -


Foto: Eduardo Frazão


O auxílio emergencial de R$ 600 do governo federal injetou no ano passado R$ 322 bilhões na economia e deu um impulso importante no consumo de alimentos. O atacarejo foi um dos formatos mais beneficiados por esse recurso adicional na vida quem antes só fazia compras conforme o dinheiro entrava. Sem esse impulso, o varejista mais do que nunca precisa focar a estratégia.

Mas não dá para fazer isso sem colocar o consumidor, de fato, no centro do negócio. Afinal de contas, é ele quem tem o poder hoje em dia. Não estou falando de conhecer a média dos consumidores, mas sim de entrar no detalhe de cada loja. Difícil? Hoje em dia existem inúmeras ferramentas que geram conhecimento sobre o cliente de forma granular. É preciso utilizar esses dados para entrar no jogo e conquistar a preferência do consumidor.

Há muitas decisões importantes a serem tomadas para garantir os resultados em 2021. Elas vão desde a definição de quais formatos e canais devem receber investimentos até o melhor sortimento por loja, além de serviços ao cliente e até modelos de abastecimento para evitar ruptura. O ano está só começando e temos muito o que fazer pela frente. É arregaçar as mangas e trabalhar!


Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:    
              LinkedIn                 ,                 Instagram                 e                 Facebook                 !

Comentários

Comentar com:
Publicidade
Publicidade

Solução Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade